MANUTENÇÃO DE AERONAVES

Publicidade

Acessos ao site:

  Intro Artigos 

Lista de Artigos    

A Ferramenta Certa

A Ferramenta Certa

Autor: Luciano Carrera Gonçalez
Técnico em Manutenção de Aeronaves

Quem ainda não presenciou alguém soltando uma porca com um alicate ?
Quem não viu um parafuso Philips sendo apertado com uma "chave de fenda fina" ?
Pois bem, existem, ainda, aqueles que calibram pneus com o método do "soquinho"!!! Acreditem, isso existe.
Todos os técnicos ou futuros técnicos devem, sim, buscar experiência e usá-la, mas ela somente é adquirida através da informação, do interesse, do profissionalismo e, acima de tudo, da humildade, fatores estes, que são descartados todas as vezes que deixamos de ouvir ou ler algo que julgamos saber totalmente.
Digamos que a experiência não nos obriga saber o número de uma peça (part number), mas nos obriga saber onde encontrá-lo.
O manual não existe para ser decorado e sim lido, consultado sempre, pois, é neste momento que a margem de erro cai a zero.
Devemos conhecer os sistemas de cada aeronave através de cursos de aperfeiçoamento que nos permitirão entender a lógica de cada um. Porque cada troca de pneu tem algo a ser levado em conta, cada reparo efetuado em um sistema elétrico tem algo a ser respeitado, cada trabalho exige algo que se chama procedimento.
Se alguém ainda não ouviu falar em "standard practices", usem seu tempo para ler este capítulo tão importante do manual de manutenção. Leiam-no, usem-no com dedicação. Ele é o capítulo onde se encontra a essência do bom técnico, é a diferença entre a perfeição e o retrabalho, entre o inútil e o aplicável, entre o lucro e o desperdício.
Quando você, ingressando na manutenção de aeronaves, receber uma ordem cumpra-a, confirmando no manual se a maneira como ela lhe foi transmitida está dentro do padrão como determina o procedimento, se a ferramenta que será utilizada é a adequada. Debata, peça, ensine e pergunte...sempre !!!
A queda de uma aeronave pode ser causada por um erro seu ou do seu companheiro que estava ao seu lado e que, por um motivo qualquer, não teve uma informação preciosa que você poderia ter fornecido, atitude esta mais conhecida na aviação como o famoso "pano preto".
E, tenha certeza que, quando este avião decolar, essa informação fará a diferença entre a competência e a negligência, o profissional e o criminoso, a vida e a morte.
Mas, sábio e experiente não é aquele que ensina, pois, não teria nada a ensinar se não fosse humilde para aprender. Então, ouça tudo aquilo que alguém possa lhe ensinar, absorva tudo e acrescente à sua experiência.
Procure em cada trabalho que lhe é rotineiro, encontrar aquele "algo"que você ainda não viu ou não sabe.
Consulte o manual, dependa dele incessantemente, pois isto fará de você um verdadeiro técnico.
Existem pessoas que seguem o padrão errado :
_ Faço isso há anos, sempre fiz deste jeito, para que consultar o manual ?
Este técnico não evolui e não trabalha da maneira correta.
Você já ouviu alguém dizer :
_ Conheço a lógica deste sistema como a palma da minha mão, então, vamos abrir o manual e começar a pesquisa deste ponto.
Se isto já aconteceu, baseie-se neste técnico, ele tem muito a lhe ensinar e a acrescentar à sua experiência.
Nunca deixe de buscar uma informação a mais, mesmo que ela não pareça importante.
Na dúvida, consulte o manual, mesmo que uma das opiniões seja a sua. Seja humilde e eficaz.
Busque sabedoria, alcance a experiência, tente atingir a tão sonhada excelência técnica.
Seja você a "ferramenta certa" para a sua empresa !!!!!

Alguns Casos da Aviação Que Explicam Por Que o Brasil Ainda é Um País Subdesenvolvido

Legislação Aeronáutica Brasileira – Sabemos Interpretá-la Corretamente ?

RBAC 91 : Finalmente a ANAC Permitirá que os Operadores Sigam Esta Norma Integralmente ?

Novos RBAC 43 e RBAC 145 : Voaremos com Segurança ?

Algumas Questões Para a ANAC Responder

Engenheiros, Tecnólogos e Técnicos – Quais as Diferenças ?

Ética e Qualidade na Manutenção de Aeronaves

Memória Aeronáutica

Radar RDR 2000

ELiminadores de Eletricidade Estática

As Carreiras na Manutenção Aeronáutica

Treinamento - Fator de Sucesso ou Razão de Fracasso

CTM X SRM : Você Sabe a Diferença ???

Inspeções

Responsabilidade Técnica - Você Está Preparado Para Assumir Esta Função ?

ANAC - Temos Cultura Suficiente Para Esta Mudança ?

Le Bourget 2005 - Um Sonho Realizado

Manutenção Aeronáutica e Controle de Qualidade em Prol da Segurança de Vôo

Práticas Padrões

Responsabilidades do Proprietário/Operador

Inspeção Anual de Manutenção

A Ferramenta Certa

A Filosofia 5S na Manutenção de Aeronaves - Parte 2

Formação ou Experiência ?

Grandes Modificações e Grandes Reparos

Penetrando Estruturas de Aeronaves Pressurizadas

Aeronave Raytheon Premier I

Pesagem e Balanceamento de Aeronaves - II

Pesagem e Balanceamento de Aeronaves - I

Analisando a AD 96-20-07 do FAA

Limpeza de Aeronaves

A Importância do Líder no Desenvolvimento de uma Equipe

Janelas de Aeronaves : Cuidados Durante a Manutenção

Diretrizes de Aeronavegabilidade

Ficha Histórico de Serviço de Componentes e Acessórios

Uso de Selantes na Aviação

A Filosofia 5S na Manutenção de Aeronaves

Programa de Manutenção

CTM - Controle Técnico de Manutenção

Manutenção de Motores Williams-Rolls FJ44

Corrosão Microbiológica

A Importância da Inspeção de Pré-Compra

Recomendado ou Mandatório ???

O Planejamento da Manutenção

Uma Nova Mentalidade na Manutenção de Aeronaves

contato@manutencaodeaeronaves.eng.br


2014 - MANUTENÇÃO DE AERONAVES - Direitos Reservados


 
 
 

   Home

   Quem Somos

   Notícias

   Artigos

   Fotografias

   Glossário

   Serviços

   Links

   Prod. Aeronáuticos

   Testes

   Equip. de Apoio

   Currículos

   Aeronaves à Venda

   Livros